você está aqui: Home  → Arquivo de Mensagens

ownCloud - Crie a sua nuvem similar ao DropBox

Colaboração: Alessandro de Oliveira Faria

Data de Publicação: 06 de outubro de 2012

Com o recurso Cloud acessível, todos tendem a resolver tudo com este recurso. De um determinado ponto de vista, faz até sentido. Adeus HDs enormes, sem contar que tudo está acessível a qualquer hora e em qualquer lugar.

Seja usuário Android, iPhone, Windows (CREDO), Mac ou GNU/Linux (Viva \o/), o projeto ownCloud agrada a todos. Pois fotos, músicas, calendários, tarefas e arquivos versionados, agora ficam em sua nuvem privada.

Neste documento, conheceremos o pacote ownCloud que provê o sincronismo de uma determinada pasta com a nuvem, calendário, agendamento de tarefas, bookmarks, gerenciamento de alguns e outros recursos que permitem a criação de serviços profissionais em nuvem. Por exemplo, com estes recursos, é possível prover serviço de cloud privada em escritórios de advocacia e muitos outros segmentos.

A seguir, os principais recursos e diferenciais do pacote ownCloud:

  • Criptografia - Os seus dados podem ser armazenados e criptografados no filesystem, com isto, nem usuários com a senha root terão acesso às informações enviadas ao servidor;
  • Integração com LDAP - Se você utiliza o servidor de diretório LDAP, este recurso é muito útil para o gerenciamento de senhas;
  • Gerenciado de tarefas, calendários, galeria de imagens e músicas;
  • Versionamento de arquivos - Quando habilitado permite a recuperação de antigas versões de documentos;
  • Arrastar e soltar para upload de arquivos;
  • Visualizador de ODF;
  • Storage externo - Embora encontra-se em fase experimental, permite acessar o Google Drive e Dropbox na sua estrutura de nuvem.

Instalação e Configuração do Server

Antes de tudo, devemos resolver as dependências, ou seja, o Apache, PHP 5.3 e alguns pacotes, conforme abaixo:

  • apache2
  • php5
  • php5-json
  • php-xml
  • php-mbstring
  • php5-zip
  • php5-gd
  • php5-sqlite
  • curl
  • libcurl3
  • libcurl3-dev
  • php5-curl
  • php-pdo

Após a resolução das dependências, faça o download do pacote e descompacte-o na sua pasta desejada, no seu Webserver:

  # wget http://owncloud.org/releases/owncloud-latest.tar.bz2
  # tar -jxvf owncloud-latest.tar.bz2

Verifique as permissões da pasta, como no meu caso, que utilizo SUSE e openSUSE, decidi atribuir a pasta do pacote ao usuário de sistema wwwrun. Nesta etapa, o pacote está instalado, faltando apenas a sua configuração, que acontece acessando o link contendo o IP do seu servidor e/ou path, seguido da string onwcloud. Então, para iniciar a configuração, digite no browse o endereço: http://IP-SERVER/owncloud

Durante a configuração, cadastre o usuário administrativo e banco de dados. Ao finalizar a configuração, já teremos o sistema em nuvem funcionando, restando apenas a configuração do ambiente, idioma, personalização e outros detalhes. Se tudo estiver funcionando corretamente, teremos a seguinte tela:

Pronto. Nesta etapa, sua nuvem está em pleno funcionamento, bastando apenas cadastrar os usuários e configurar os clientes. Então, vamos aos próximos passos.

Clientes Mac, Windows, GNU/Linux e Android

Existem diversos clientes para sincronizar a nossa nuvem, então, sugiro visitar a página http://owncloud.org/sync-clients, que proporciona várias alternativas.

No GNU/Linux, vou deixar neste documento 2 opções: O Mirall e os recursos do Akonadi do KDE.

Começando pelo KDE, entre em:

Configurações »» Informações Pessoais »» Configuração dos recursos do Akonadi

E clique no botão "Adicionar", selecione o item "Recurso de groupware por DAV", informe login e senha.

Na configuração de servidor Groupware, selecione ownCloud, o servidor e o caminho da instalação. Ao término, teste a conexão com o servidor e pronto!

A segunda opção, é utilizar o software Mirall, disponível em sua distribuição (o código fonte encontra-se aqui: ""https://github.com/dmacvicar/mirall ""https://), que permite sincronizar uma pasta especificada no seu filesystem.

Após a instalação, execute-o e selecione a opção "Configure" do menu no trayicon, em seguida, configure o servidor, login e senha. Ao terminar, verifique se a conexão foi estabelecida com sucesso, e pronto!

Na plataforma Windows, a instalação é muito similar, ou seja, devemos informar o server, login, senha e logo a seguir, verificar se a conexão foi estabelecida com sucesso.

Android, se você não quer dor de cabeça, vá à loja de aplicativos do Google e instale diretamente o aplicativo (custa R$2,00).

Agora, se deseja fazer o download do arquivo ".apk" gratuitamente e instalar manualmente, ou obter os código fontes, a seguir os links:

Mais dicas sobre este pacote, é possível encontrar no meu blog

Para finalizar, críticas e sugestões: cabelo[at]opensuse.org

Artigo publicado originalmente no site Viva o Linux



Veja a relação completa dos artigos de Alessandro de Oliveira Faria

 

 

Opinião dos Leitores

Caetano
12 Out 2012, 11:08
Muito bom. Só gostaria de entender como funciona a configuração dos discos para aproveitar varias maquinas em alta disponibilidade.
Edinaldo La-Roque
06 Out 2012, 00:19
Muito boa essa dica!
Vou experimentar esse recurso.
*Nome:
Email:
Me notifique sobre novos comentários nessa página
Oculte meu email
*Texto:
 
  Para publicar seu comentário, digite o código contido na imagem acima
 


Powered by Scriptsmill Comments Script